O que é História de Usuário? Como Escrever uma User Story Perfeita

As User Stories, também conhecidas por Histórias de Usuário em português, permitem entender as necessidades do cliente e documentar requisitos de sistema.

O que é uma User Story?

As histórias de usuário ou user stories permitem aos analistas de negócio e requisitos, product owner e time de desenvolvimento. compreender as reais necessidadesproblemas de negócios e os respectivos requisitos do sistema.

Visualmente, uma história de usuário consiste em uma descrição breve, informal porém objetiva de uma necessidade ou requisito de negócio, escrita do ponto de vista do usuário.

Ela descreve o que o usuário deseja fazer com o sistema e por quê, entretanto elas não devem detalhar requisitos funcionais do sistema.

Benefícios das Histórias de Usuário

As user stories ajudam a equipe de desenvolvimento a entender as necessidades do cliente e a criar um produto que atenda às suas expectativas.

Artigos relacionados

Elas também facilitam a priorização dos requisitos funcionais do sistema a serem desenvolvidos, contribuindo para um processo de desenvolvimento de software mais ágil e responsivo às necessidades do usuário.

Junte-se ao nosso grupo de especialistas
🧠 WhatsApp e Telegram 🚀 Junte-se ao Grupo 'Agilidade, Projetos, Produto e Negócios | analisederequisitos.com.br ' e conecte-se com profissionais apaixonados ❤️ por impulsionar projetos, produtos e estratégias de negócios. Entre em um de nossos grupos no WhatsApp ou no Telegram. GRUPO NO WHATSAPP GRUPO NO TELEGRAM

Os principais benefícios da utilização de Histórias de Usuário incluem:

  • Melhor compreensão das necessidades do usuário
  • Comunicação mais eficaz entre a equipe de desenvolvimento e o cliente
  • Priorização mais eficaz dos requisitos
  • Desenvolvimento de software mais ágil e responsivo
  • Maior satisfação do usuário

Uma User Story pode ainda conter critérios de aceitação, que são condições que devem ser cumpridas para que a funcionalidade seja considerada completa.

Os critérios de aceitação ajudam a definir as expectativas de qualidade e desempenho da funcionalidade.

É importante destacar que, o formato e a qualidade de uma user story é o que define realmente se ela realmente proporcionará tais benefícios e vantagens na qualidade das entregas durante todo o ciclo de vida do projeto.

Como é Escrita uma História de Usuário?

Uma História de Usuário perfeita é mais simples do que você possa imaginar, na verdade, é na sua simplicidade que reside seu poder de abstração da dor sentida pelo usuário, e de qual o melhor remédio para tratá-la.

Exemplo da estrutura de uma user story
Exemplo da estrutura de uma user story

Basta respeitar as 3  características fundamentais de sua estrutura, que consistem nas seguintes informações:

  • Quem fará?
  • O que fará?
  • O que espera?

Para escrever uma boa User Story, basta que sejam respeitados seus 3 elementos estruturais, isso fará com que a história que foi escrita seja clara, direta, declarando o interlocutor, o problema e a solução, livres de  qualquer ambiguidade.

Os 3 elementos de uma User Story

As histórias de usuário são por padrão compostas por três elementos simples, que descrevem a ambientação do contexto, indicação de uma ação e o resultado esperado pelo usuário. Textualmente os elementos de uma story são:

Quem? Ator que está executando a ação

  • Indica quem é o ator do sistema, ou papel no negócio.
  • O papel do usuário descreve quem é o usuário da funcionalidade em questão. Pode ser um cliente, um administrador do sistema, um funcionário, entre outros. É importante identificar claramente o papel do usuário para garantir que a funcionalidade atenda às suas necessidades específicas.

O que? Ação que está sendo executada

  • Ação o ator deseja efetivamente realizar para alcançar o resultado que espera.
  • A ação descreve o que o usuário deseja realizar, como por exemplo “fazer uma reserva”, “realizar uma compra” ou “enviar uma mensagem”. A ação deve ser descrita de forma clara e objetiva, sem entrar em detalhes técnicos.

Para quê? Resultado esperado

  • Objetivo final, ou resultado que o ator deseja obter executando a ação.
  • O motivo descreve o porquê o usuário deseja realizar essa ação. Pode ser para economizar tempo, melhorar a eficiência, solucionar um problema específico, entre outros. O motivo ajuda a equipe de desenvolvimento a entender o contexto da funcionalidade e a priorizar as necessidades do usuário.

Ao escrever uma User Story, é importante manter o texto curto e conciso, utilizando uma linguagem simples e direta. A ideia é que a User Story seja facilmente compreendida por todas as partes.

Exemplo: História de Usuário Perfeita

No exemplo da user story abaixo, a necessidade do cliente é realizara notificação do recebimento de um produto avariado utilizando o site da empresa, para então prosseguir com a solicitação do reembolso ou substituição dele.

Exemplo: Como cliente, quero informar  pelo site o recebimento de um produto avariado para solicitar o reembolso ou substituição dele.

Ela é clara, concisa e fácil de entender, o que facilita a comunicação entre o cliente e a equipe de desenvolvimento. Não faltam, nem sobram informações!

Podemos dizer que uma boa história de usuário deve caber em um único post-it. Se uma história não cabe em um único cartão, então devemos refinar entendimento, quebrando-a em histórias menores e complementares.

Seja um contador de histórias.
Nós já fizemos anteriormente um post sobre as 10 características dos melhores analistas de requisitos e negócios. Dentre as principais características que listamos, duas são fundamentais para escrever uma boa user story. Empatia funcional e Domínio da expressão verbal.

Empatia Funcional

Empatia é uma condição psicológica que significa basicamente “colocar-se no lugar do outro”. A empatia funcional no entanto, é a capacidade de pôr-se no lugar do interlocutor de uma conversa, e de forma imparcial absorver problemas e necessidades expressadas.

Mapa de empatia: A Importância da Empatia na Comunicação Humana

Empatia é a habilidade de se colocar no lugar de outra pessoa, compreender seus sentimentos e ações, e interpretar comunicação não verbal.

De forma resumida, é habilidade de um analista de requisitos ou negócios em identificar e entender tudo aquilo que o usuário ou stakeholder relata. Analistas com essa capacidade produzem documentos, especificações de requisitos e user stories mais corretas e assertivas.

Expressão Verbal e Articulação Textual

Saber escrever é um regra indispensável para um bom analista, porém muitas vezes parecemos esquecer dela:  Documentar o problema de negócio, as reais necessidades de um usuário e os requisitos de um sistema de forma clara é fundamental para o sucesso de um projeto.

O domínio da língua portuguesa e dos recursos de linguagem são importantes para detalhar um requisito. Sendo assim, o requisito ou user story de sucesso é quando o leitor entenda o que foi escrito de forma fácil e sem subjeções.

Um analista com essas duas qualidades bem desenvolvidas é, quase sem exceções, um grande contador de histórias.

Entretanto, saber contar histórias é fundamental para o bom entendimento das necessidades do cliente. Pelos corredores das empresas de desenvolvimento existe um ditado maldoso, mas com um fundo de verdade. “Todo bom analista, é um bom mentiroso“.

Entenda quais são as 7 dimensões do produto

Para escrever uma user story de qualidade o analista deve conhecer as 7 dimensões do produto. Trata-se de uma técnica, visão ou metodologia que define cada vertical de negócio e tecnológica. As dimensões do produto são:

  1. User
  2. Interface
  3. Action
  4. Data
  5. Control
  6. Environment
  7. Quality.

Conhecer a fundo as 7 dimensões do produto, é uma garantia adicional do sucesso de um sistema. Porém, não basta apenas conhecer, é preciso que o analista entenda as fronteiras, aplicações e importância de cada uma dessas 7 dimensões.

Se você for um bom contador de histórias e entender os agrupamentos das 7 dimensões do produto, suas user stories serão fantásticas e de fácil entendimento.

Você também precisa ler!

Recomendamos também que você leia os seguintes artigos que publicamos sobre engenharia de requisitos, compreendendo os processos de levantamento,  análise e documentação dos requisitos de software.

Francilvio Roberto Alff

Olá! Eu sou Francilvio Alff, mas você pode me chamar de Chico Alff. Vou fazer o m3u jabá rapidinho, eu prometo! :D Minha formação acadêmica é diversificada, com raízes em Engenharia de Software e Análise e Desenvolvimento de Sistemas para a Internet. Também mergulhei na História e na Língua Italiana em minha jornada acadêmica, embora essa aventura ainda não tenha sido concluída. Meu primeiro contato profissional e real com o incrível mundo dos sistemas foi em 2007, enquanto fazia a minha primeira graduação na Itália. Trabalhei na implantação da solução Orange Salsa para a gestão dos "informatori scientifici del farmaco" na colossal multinacional farmacêutica GlaxoSmithKline (GSK). Com o passar dos anos, me vi cada vez mais envolvido pela tecnologia, e ao longo dessas quase duas décadas, me especializei em Engenharia de Software, mais precisamente nas disciplinas de Análise de Requisitos, Análise de Negócios e Gerenciamento de Projetos. Nesse percurso, trabalhei em projetos desafiadores para a administração pública, soluções de ERP para o varejo e indústria, inteligência artificial aplicada em soluções IOT e linguagem neural.. Em 2011 fundei juntamente com um velho amigo e tutor o site https://AnalisedeRequisitos.com.br que mantenho até hoje como uma prova viva do meu comprometimento com a engenharia de software. Minha determinação e meu desejo constante de aprender continuam me impulsionando em direção ao futuro, onde pretendo continuar unindo minha paixão pela tecnologia com meu amor pela aprendizagem e minha curiosidade insaciável. Junte-se a mim nessa jornada!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

PATROCINE O SITE COM UM PIX DE QUALQUER VALOR!

 

Caro membro da comunidade, desde 2011 disponibilizamos acesso a conteúdos excepcionais, tudo isso sem anúncios irritantes. 🚀 Faça um pix de qualquer valor e mostre seu apoio ao nosso trabalho! Cada contribuição faz a diferença!

🚨O RISCO É REAL: NÃO DEIXE O SITE FECHAR!💔

Sua contribuição é opcional, mas a ameaça é real. Investimos horas do nosso dia para criar materiais de  qualidade. Agora, mais do que nunca, precisamos do seu apoio! Você pode ajudar a salvar o site com um PIX de R$2,00, R$5,00, R$10,00 ou de qualquer outro valor!

 

 

Contribua com a manutenção do portal com um Pix de qualquer valor! Isso é uma força pra gente, mantendo a chama do conhecimento acesa! Sua doação é mega importante - cola com a gente agora mesmo e vamos fazer acontecer juntos!Use o PIX para mostrar seu apoio doando qualquer valor. Cada contribuição faz a diferença!

 

🔑 Chave PIX:

E-mail: [email protected]
E-mail: [email protected]

 

Lembre-se: cada doação conta. Obrigado por fazer parte da nossa comunidade e por apoiar o site! 🙌🌟

Não quero ajudar!


🚀WhatsApp e Telegram

Junte-se ao Grupo ‘Agilidade, Projetos, Produto e Negócios | analisederequisitos.com.br’ e conecte-se com profissionais apaixonados por impulsionar projetos, produtos e estratégias de negócios💡. Entre em um de nossos grupos no WhatsApp ou no Telegram.

GRUPO NO WHATSAPP GRUPO NO TELEGRAM